2008
06.27

A interface destacada e bem resolvida do Windows Vista o seduziu, mas deixando de lado a beleza visual, ele está complicando sua vida no PC. Não tema, este guia tem tudo que você precisa para deixar o Vista bonito e rápido como nos seus sonhos.

Tenha em mente que, embora essas dicas ajudem a deixar o Windows mais rápido e a gastar menos espaço no HD, não haverá ganhos em desempenho como os que seriam obtidos com o upgrade do hardware. Se você está insatisfeito, por exemplo, com a velocidade do Vista num PC onde o Windows XP roda numa boa, as dicas abaixo o ajudarão. Mas seria interessante cogitar a aquisição de uma nova placa de vídeo, mais memória e, talvez, até um processador mais rápido.

Limpe a casa

Boa parte da lentidão do Vista é causada pela quantidade de programas secundários rodando em background e sugando memória. Uma parte essencial deste guia é remover essas coisas desnecessárias.

Desative serviços desnecessários

Serviços são processos que rodam em segundo plano, silenciosamente, sem que você saiba sobre eles. Pelo fato do Vista querer ser um tudo-em-um, e dessa maneira carregar muita coisa no boot, há serviços desnecessários que rodam em background.

Para acabar com eles, entre no menu Iniciar, clique em Executar…, digite services.msc e tecle Enter. Dê um clique duplo no serviço que desejar desabilitar, e altere o Tipo de inicialização para Desativado.

Alguns exemplos de serviços os quais você provavelmente não precisa: Logon secundário, Registro remoto, KtmRm para Coordenador de Transações Distribuídas, Serviço de Entrada de Tablet PC, Cliente de rastreamento de link distribuído e Pesquisador de computadores. Há muitos. Faça pesquisas na Internet para saber o que cada um faz, determinando assim se ele lhe é necessário ou não.

Limpe seu HD

Há muitos programas que prometem limpar o HD de arquivos inúteis, que apenas gastam espaço em disco. Recomendamos o CCleaner, que além de rápido, é bastante eficiente.

Melhore o tempo de inicialização

Sempre que o Windows inicia, ele automaticamente carrega um número de programas, muitos deles desnecessários. O Utilitário de configuração do sistema e o Windows Defender podem ser usados para controlar quais programas iniciam juntos com o Windows.

Para desabilitar a inicialização automática de aplicativos com o Utilitário de configuração do sistema:

  • Abra o msconfig (no Executar…, digite msconfig.exe, e tecle Enter);
  • Selecione a aba Inicialização de Programas;
  • Desmarque todos os itens que você não quer que iniciem com o Windows, e então clique no botão Ok.

Para desabilitar a inicialização automática de aplicativos com o Windows Defender:

  • Abra o Windows Defender;
  • Clique em Ferramentas, no menu superior;
  • Clique em Software Explorer;
  • Selecione um aplicativo, e clique em Remover ou Desabilitar.

Desfragmente seu HD

A fragmentação acontece quando o computador escreve arquivos no disco sem conversar tudo num só local. Se você salvar uma imagem pesada trabalhada no Photoshop, parte dela poderá estar próxima do meio do disco, e o restante talvez fique no final, o que significa que elas estão longes no disco, dificultando encontrá-la por completo. Fazer com que essas partes fiquem próximas é o que chamamos de desfragmentação.

A desfragmentaçãojá foi a solução para todos os problemas de velocidade no Windows. Mas o Vista, na realidade, desfragmenta o disco automaticamente em segundo plano. Para ser mais exato, por padrão o sistema é configurado para desfragmentar o HD uma vez por semana.

O problema com a desfragmentação programa do Vista é que a menos que você instale e desinstale programas com freqüência e constantemente mova arquivos no HD, uma vez por semana é um exagero, e quando o Vista estiver desfragmentando o disco, uma perda em desempenho será notada. Nós sugerimos a você desativar o agendador e fazer isso manualmente. Ou, acessar as configurações do desfragmentador e alterar o agendamento para um horário do dia em que você geralmente está longe do PC, como de madrugada.

Para desfragmentar o HD manualmente, abra o Meu Computador e clique com o botão direito no disco desejado. Selecione Propriedades, e então clique na aba Ferramentas, aonde pode ser vista a opção Desfragmentar agora… Clique neste botão, e aguarde a desfragmentação terminar.

Você talvez note que o Vista traz muitas das boas características do desfragmentador do XP. Se quiser algo mais avançado, tente o gratuito Disk Defrag, da Auslogic, o qual dá ao usuário um bom mapa do drive e traz outros recursos avançados.

A propósito, o desfragmentador automático inteligente, que roda em segundo plano utilizando apenas recursos livres do sistema, desfragmentando apenas o necessário, é a melhor opção, não importa qual software você escolha. É muito mais conveniente, poupa tempo e é mais eficiente que o primitivo agendamento ou a incerta desfragmentação manual.

Use o ReadyBoost

O ReadyBoost é um dos recursos mais chamativos do Vista. Resumidamente, ele usa memória SSD (solid state disk) como um cache extra de memória.

Para usufruir das vantagens do ReadyBoost, encontre a memória flash USB mais rápida que conseguir, e plugue-a. O AutoPlay surgirá, e dentre as opções listadas, estará o ReadyBoost. Simplesmente escolha-a, e pronto.

A Microsoft sugere a utilização de um drive USB do cuja memória seja igual à quantidade de RAM que o PC possui.

Os dados do ReadyBoost são criptografados, dessa maneira, se seu drive USB for perdido ou roubado, os dados contidos nele não poderão ser lidos.

Dica: não espere milagres do ReadyBoost, e esteja ciente de que ele não é uma alternativa ao upgrade de memória. Ele apenas faz cache das leituras de disco em tempo real, e oferece um aumento de velocidade no acesso aos dados. O ReadyBoost não o ajudará caso seu PC possua os requisitos mínimos de memória para o Vista. Comprar mais RAM é sempre uma alternativa mehor do que o ReadyBoost, se a idéia for uma melhora acentuada de desempenho.

Use o vLite

Para radicalizar no sentido de deixar o Vista rápido, você pode usar o programa gratuito vLite. O programa, criado poe Dino Nuhagic, promete reduzir o tamanho do Vista para menos da metade. O vLite elimina muitos componentes padrões do Vista, como o Windows Media Player, Windows Mail, Windows Photo Viewer, componentes MSN, Wallpapers e SideShow.

Usar o vLite economizará alguns giga bytes de espaço em disco, mas as mudanças realizadas por ele são permanentes, então, use-o com cautela. Serve de consolo o fato de muitos dos aplicativos possíveis de serem removidos com o vLite podem ser substituídos por outros programas gratuitos e até web services.

Aumente a velocidade do Vista em PCs antigos

A interface moderna do Vista é agradável para os olhos, mas complicada para o processador. Conseqüentemente, máquinas antigas podem “engasgar”. Isso não significa, porém, que é obrigatório um upgrade de hardware. Siga as dicas abaixo, e tente, antes de gastar dinheiro, melhorar a experiência com o Vista no hardware atual.

  • Remova o Aero. A interface Aero é muito bonita, mas demanda requerimentos gráficos altos. O Vista desabilita-a automaticamente, caso detecte que sua placa de vídeo não está apta a rodá-la, mas mesmo que consiga, talvez a velocidade do sistema seja prejudicada. Clique com o botão direito do mouse no desktop, e no menu de contexto, selecione Personalizar. Na janela que surge, selecione a primeira opção (Cor e Aparência da Janela), e então, no rodapé, clique no link Abrir propriedades de aparência clássica para ver mais opções de cores. Escolha uma opção diferente do Aero, e pronto;
  • Uma alternativa menos radical é desabilitar o efeito “transparência glass”, que aparentemente é a maior fonte de consumo de memória do Aero;
  • Ainda na linha das mudanças sutis, experimente desabilitar as animações e outros efeitos visuais;
  • Desabilite a Windows Sidebar. Os gadgets são devoradores de memória e acabar com eles pode ajudar a aumentar a velocidade do Vista.

1 comentário

Adicione Seu Comentário
  1. Obrigado pela dica

Content Protected Using Blog Protector By: PcDrome.